Como você classifica o trabalho que realiza? Sobreviver, desbravar, especializar, evoluir ou manter?

Tem muito discurso motivacional dizendo que a gente consegue o que quer, que somos capazes de alcançar o que queremos, que só precisamos de força de vontade.

Esse tipo de discurso atrapalha e faz muitas pessoas desistirem. Afinal, porque você não estuda nas madrugadas e nos finais de semana? Por qual motivo você não dedica mais que o seu limite?

Eu considero tudo isso uma questão de momento. Explico.

Continuar a ler

Pra trabalhar com equipes remotas, com pessoas longe uma das outras, o que precisa?

Empresas que não possuem processos organizados para operar de forma online, não simultânea e outras características que podem impulsionar ações de colaboração e foco no trabalho, acabam por querer transformar a sua incompetência de gestão em acusações sobre profissionais que buscam mais liberdade nas suas relações com o tempo e projetos.

Para trabalhar com projetos e equipes remotas, você pode (IRONIA :P) escolher deixar as pessoas todas online muitas horas por dia com tela de vídeo aberta e forçar tempos de intervalo iguais, sincronizados. Pode? Pode, mas não deveria. Pelo simples motivo de você estar fazendo as pessoas se comportarem como se estivessem presenciais, controladas e sem oportunidade de se beneficiar do silêncio e foco para trabalhar. Você não tem os ganhos das equipes distribuídas e daqui a pouco trabalhando de lugares / fuso horários diferentes.

Continuar a ler

Então não é possível desenvolver carreiras estando remoto? Sério?

Estava lendo um artigo falando que a pandemia e os trabalhos remotos trouxeram inúmeras oportunidades de trabalho, mas estão acabando com carreiras. Os argumentos indicados refletem o que vejo em diversos locais que atuam com informação e insistem em dizer que precisam estar “presenciais” para serem efetivos.

Vou indicar o artigo, e você pode ler antes ou depois da minha reflexão.

Continuar a ler

Contratar pessoas prontas? Pessoas são descartáveis?

Estava refletindo sobre a relação de contratação de pessoas e pessoas escolhendo empresas. O que chama atenção? O que faz uma pessoa ficar em uma empresa? O que faz uma pessoa buscar novos projetos?

Como você pensa contratação de pessoas? Como você pensa movimentação de pessoas ganhando novas habilidades na sua empresa?

Como você pensa viver um mercado que parece estar cheio de oportunidades e não se responsabiliza pela formação de novas pessoas?

Continuar a ler

Sobre pedir

Na empresa de treinamento, na Wildtech, temos um programa de bolsas. Qualquer pessoa pode pedir uma bolsa para os nossos cursos. Quem está trocando de carreira, quem está sem trabalho no momento… e é uma ação silenciosa. Você nunca vai ver a gente anunciando quantas bolsas a gente forneceu ao longo da nossa história. Quem recebeu sabe que recebeu.

O problema foi que um dia uma pessoa pediu 100% de bolsa porque era uma opção possível na caixa de seleção. E aí eu fiz uma reflexão com ela, sobre o entendimento do que significa pedir e um pensar sobre abundância e escassez.

Continuar a ler

Porque o trabalho não acontece no trabalho? Cinco dicas para quebrar a rotina da falta de produtividade!

Pensa nestas frases:

  • Quando estamos no trabalho só podemos fazer reuniões.
  • Quando estamos no trabalho só podemos responder emails.
  • Quando estamos no trabalho não podemos trabalhar.
  • Quando estamos no trabalho não podemos focar no que precisa ser feito.
  • Quando estamos no trabalho não podemos ter ação.
  • Quando estamos no trabalho esquecemos da nossa vida pessoal.

Bem animadoras certo? 🙂

Continuar a ler