Descendo a montanha russa

Na montanha russa, sabemos o percurso. E ainda assim é um teste constante de emoções.

Nos colocamos em situações de teste na nossa vida também mas como manter a emoção “alta” independente das curvas e nuances que vamos enfrentar? Passar pelos problemas que acontecem sem achar que são “problemas” mas sim desafios que são colocados na nossa frente?

Ao pensar a respeito de um sorriso. Conseguir manter um “sorriso interno” em situações adversas. Comecei a aproveitar esta metáfora, como se fosse um processo de desenvolver empatia. Me colocar na situação em questão e pensar em formas de resolução. Não quero achar culpados neste ponto, nem em “como seria se…”. É um encarar a realidade e ver como uma situação pode ser resolvida com quem está envolvido neste processo.

Mantendo o sorriso interno, o foco de resolução e o pensamento de que quem está presente está fazendo o seu melhor. E que o sistema e as restrições atuais nos fizeram chegar neste ponto. Neste contexto me parece que manter a felicidade mesmo em situações adversas me ajuda a resolver as situações mais efetivamente. Mas quanto feliz eu estou para conseguir resolver bem as coisas? Eu nunca cheguei a medir isso mas tem gente por aí levando cada vez mais a sério o assunto “economia da felicidade“.

E a pergunta seguinte é: como avançar? No final do dia, queremos uma nova curva ou descida na montanha russa, para termos novas percepções.🙂

— Daniel Wildt (receba novidades na minha lista)

One thought on “Descendo a montanha russa

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s