Nada é melhor do que poder falar o que se sente.

Na real tem algo melhor. Encontrar alguém capaz de escutar o que você sente.

Se falarmos em metodologias ágeis, podem aparecer palavras como transparência e abertura e encontrar equipes que se percebem em constante aprendizado.

Eu tenho escuta com algumas pessoas que fazem parte da minha rede de apoio. Eu consigo ativar minha rede. Eu tenho escuta profissional, com o atendimento psicológico que tenho acesso. Eu tenho a oportunidade de escrever aqui e por vezes desabafar, assim como faço dentro da minha prática de journaling, onde consigo trazer o que estiver acontecendo entro de mim. Sou privilegiado neste processo.

Falar o que se sente não é o problema. Talvez um problema anterior é conseguir perceber o que sentimos. Eu venho nos últimos 16 anos aprendendo a sentir e a ter mais consciência sobre o que faço e sobre o que sinto.

E seguirei neste processo por toda minha vida. Seguirei sendo aprendiz. Ontem tava falando uma frase que acho que situa nessa questão de processo e viver como aprendiz:

Se um dia você achar que sabe tudo, saiba que neste exato momento você perdeu o jogo.”

Daniel Wildt

— Daniel Wildt

Extra: Sobre abertura e transparência.

Você pode apoiar a minha jornada de conteúdo através do projeto A Filosofia da Tranquilidade! Venha conhecer mais a minha iniciativa!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s