Tente desejar o vazio pra ver o que acontece.

Já pensou em desejar o nada? Tipo, apenas ser agradecido por estar com você, agora, como estiver, onde estiver?

Desejo pode estar em um formado de ambição, mas pode ser prejudicial quando se torna alvo de cobiça, quase que nos cegando.

Desejar o vazio pode ser um encontro com o silêncio, com o respirar, com o perceber e o presenciar. Com o agora. Com o que importa mesmo.

Poucas coisas importam de verdade.

O vazio é temido por vezes, mas é um local de acolhimento e de oportunidade.

— Daniel Wildt

Este conteúdo fez sentido para você? Você pode apoiar e acompanhar meu processo de criação de conteúdo mais de perto! Apoiando financeiramente você pode participa da comunidade e recebe antes as entregas que realizo no projeto “A filosofia da tranquilidade”. Acesse apoia.se/dwildt e entenda sobre valores e entregas!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s